domingo, 28 de dezembro de 2008

Olha que interessante

Oi meninas, li esse texto e adorei, resolvi postar aqui pra vocês tambem. Vamos ficar atentas ao nosso metabolismo
que é o metabolismo?

Metabolismo é o sistema de trocas químicas responsáveis pelo equilíbrio orgânico. Cada órgão tem seu funcionamento específico, embora todos estejam interligados. Quando comemos, o corpo absorve os nutrientes e elimina o que é desnecessário. Nesse caso, o modo como transforma calorias em energia é o que chamamos de metabolismo.

Por que algumas pessoas comem feito passarinho e engordam como elefante, e outras não?

Quem tem o metabolismo em dia geralmente não mostra problemas para manter o peso, desde que obedecendo à equação dieta saudável + atividade física. Por outro lado, pessoas que engordam facilmente costumam ter metabolismo lento. Porém, tudo isso é decisão da genética.Cerca de 80% da taxa metabólica é determinada geneticamente.Os outros 20% dependem:*da composição corporal (músculos, gordura, ossos, índice de água no organismo)*do sexo (o metabolismo masculino é mais acelerado do que o feminino, pois os homens apresentam proporção maior de massa muscular e menor de gordura do que as mulheres)*da idade (a partir dos 30 anos começa a ficar mais lento)*da temperatura ambiente (em países frios, o corpo consome mais energia para se manter aquecido).

O que torna o metabolismo lento?

O excesso de açúcar, especialmente após a refeição, deve ser evitado (imagine o corpo digerindo a proteína e a gordura do almoço quando... puft!, você manda um pedaço de torta de chocolate. Resultado: ele pára o que está fazendo para absorver o açúcar do doce, que é assimilado mais facilmente, retardando a digestão dos outros alimentos).A farinha refinada de pães, bolos e massas faz muito mal, pois estressa o fígado e 'envelhece' o metabolismo, tornando-o mais vagaroso.Por fim, a ingestão insuficiente de água. O líquido é fundamental para transportar hormônios, vitaminas e minerais, além de facilitar o trânsito intestinal e a eliminação de toxinas.

Como é possível acelerá-lo?

Reduzindo a taxa de gordura no organismo e aumentando a de massa muscular, já que quanto mais músculos, maior e mais veloz é o gasto calórico. Para conseguir isso, um caminho certo é praticar atividade física, combinando exercício aeróbico e ginástica localizada ou musculação.Além disso, “a malhação ajuda a transformar glicose e gordura em energia sem a necessidade de produzir o hormônio insulina, que engorda muito” (Marisa Helena César Coral (SC), presidente da Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia). Ela ensina que o ideal é fazer do treino um hábito, para acostumar o físico e desencadear uma ação metabólica contínua. "Caso contrário, ocorre o mesmo que com os atletas que se aposentam: em pouco tempo eles acabam perdendo músculos e ganhando gordura."

Dietas restritivas retraem o metabolismo?

A privação calórica obriga o organismo a trabalhar mais devagar e a gastar menos energia para garantir a sobrevivência. O metabolismo de quem come menos gordura do que o necessário (15 g diárias) também corre o risco de se tornar mais lento, o que é negativo.Comer várias vezes ao dia queima mais calorias!É como se o organismo percebesse que não vai ficar muito tempo sem alimento e passasse a funcionar sem se preocupar em estocar energia. E, como o processo da digestão consome calorias, quanto mais vezes você obriga o corpo a repeti-lo, maior é o volume de calorias queimadas. O truque de se alimentar de cinco a seis vezes por dia funciona também para você se acostumar a diminuir as porções ingeridas a cada refeição.

FIQUE DE OLHO
Quando o ritmo do corpo anda alterado, o aumento ou a perda de peso aparecem rapidinho. Se você nunca parou para pensar se está tudo em ordem com o seu metabolismo, mas vem notando algum dos sintomas abaixo, trate de buscar ajuda.

• Queda de cabelo
• Suor na palma das mãos
• Taquicardia
• Prisão de ventre
• Dores nas articulações
• Fadiga
• Cabelo e pele ressecados
• Alteração na qualidade do sono
• Dificuldade de concentração
• Irregularidade no ciclo menstrual
(dados retirados de Corpo a Corpo - edição 202)

2 comentários:

.::Renata Betim::. disse...

Muito interressante mesmo!!! Aqui, estou com saudades de vc! Por que vc sumiu,hein! Me visita, estou te aguardando...

@line disse...

Muito bacana o post amiga!!
Segunda e terça vamos dar uma seguradinha na RA né?!
Bjokas!